O que é DMPL?

No portal do Instituto Coach Financeiro constam as seguintes informações sobre a DMPL:

“As mudanças que ocorrem no patrimônio líquido da empresa são relacionadas na Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido (DMPL), entre as quais a integralização do capital, destinação de resultados do período, acréscimo ou redução das reservas da empresa.

Conforme a Resolução nº 1.185, publicada pelo Conselho Federal de Contabilidade em 2009, a divulgação da DMPL, assim como o Balanço Patrimonial e a Demonstração de Resultados do Exercício (DRE), tornou-se obrigatória. Este demonstrativo foi adotado em substituição à Demonstração de Lucros e Prejuízos Acumulados (DLPA). Os dados que constavam na DLPA foram integrados à DMPL.

Quais as principais informações da DMPL

  • Saldos existentes no início do período;
  • Acréscimo de capital;
  • Ajustes realizados em exercícios passados;
  • Compensações de prejuízos;
  • Destino do lucro líquido no exercício;
  • Distribuição de lucros;
  • Reavaliação dos ativos;
  • Redução de capital;
  • Resultado líquido do exercício;
  • Transferências e reversões de lucros e reservas;
  • Saldos no final do exercício.

Elementos que alteram o total do patrimônio?

  • Acréscimo pelo lucro ou redução pelo prejuízo líquido;
  • Aumento decorrente da reavaliação de ativos;
  • Aumento ou diminuição por ajuste de anos anteriores;
  • Aumento pelo valor da alienação de partes beneficiárias e bônus subscritos;
  • Aumento por subvenções e doações;
  • Aumento por prêmio recebido em debêntures;
  • Aumento por subscrição e integralização de capital;
  • Diminuição por ações próprias adquiridas ou aumento pela venda das ações;
  • Diminuição por parcelas do lucro apurado;
  • Recebimento de valor superior ao valor nominal da integralização de ações ou o preço de ações emitidas sem valor nominal.

Elementos que não alteram o patrimônio líquido

  • Acréscimo de capital com o uso dos lucros e reservas;
  • Utilização do lucro líquido do exercício diminuindo a conta lucros acumulados para a composição de reservas;
  • Compensação de prejuízos com a utilização de reservas;
  • Reversão das reservas patrimoniais à conta de Lucros ou Prejuízos Acumulados.

Para elaborar a Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido, é necessário relacionar todas as movimentações realizadas durante o exercício social em contas que compõem o Patrimônio Líquido, tais como Capital, Reservas de Capital, de Lucros, de Reavaliação e os Lucros ou Prejuízos Acumulados.”

Fonte: http://www.coachfinanceiro.com/portal/saiba-o-que-e-dmpl-demonstracao-das-mutacoes-do-patrimonio-liquido/

Acesso em: 16/08/2017

Tags